domingo, 18 de abril de 2010

NÃO FALO APENAS DE EMAGRECIMENTO...

Não quero mais comer o que for possível,vestir o que der e estiver mais fácil, nem ir apenas aonde me levarem, quero ser a protagonista da minha vida sem me importar com o oscar, pois para mim o que importará de agora em diante é o que EU acho e não o que os críticos querem para minha vida ou pensam em ser o tipo ideal.
Só preciso mesmo é de oportunidade e essa sei que terei que criar, pois o acaso é uma loteria do qual não dá mais para esperar.
Planejo hoje meu caminho, mesmo sendo a longo prazo, mas o que importa é que já sei aonde quero chegar.
A maior de todas as atitudes será tomada como um xeque mate, para pôr fim de vez nessa partida, que cada dia mais me perturba e me stressa.
Enquanto esse dia não chegar eu pacientemente espero, espero, espero...Paciência é uma virtude que me incomoda um pouco, mas me faz manter o equilíbrio. É com ela que tolero meus erros, é com ela que procuro acertar e é com ela que poderei respirar quando enfim a vitória chegar.

9 comentários:

Márcia disse...

oi bunita, bom dia... q seu domingo seja prerfeitinho, e q nada nem ninguém estrague seu dia... seja feliz hj e sempre..bjs

Simone Domingues disse...

olá lindona,

adorei o post de hoje, realmente emagrecimento e mudança requer paciência e determinação além de outros fatores mais esses vc adquire com o tempo.
beijos e um ótimo domingo

Roberta Fischer disse...

É isto aí, temos que tomar as rédeas da nossa vida, viver como queremos viver e não como podemos.

Paciência é uma virtude que eu não tenho aiiii.

Beijos e bom domingo

Natalie Angel Jolie disse...

Oi Fofi! Entaum estamos no mesmo plano de vida pq eu tbm estou vivendo por mim e pela minha felicidade!!! Emagrecer é parte disso e naum o todo... E estou muito feliz em estar nessa batalha!! Passei pra desejar um mara domingo pra vc e dizer q tem um questionario pra vc la no meu blog. Bjus

Nathália Nabor disse...

É verdade... Muitas vezes andamos pela vida como quem anda junto com uma multidão, sem fazer escolhas, só seguindo o fluxo... Mas isto não é viver! Viver é escolher, é arriscar, é dar saltos do penhasco, acreditando que vai voar!
Beijocas e boa semana

Clarissa disse...

Não jogo xadrez...
Mas vejo que, entre "os bons jogadores", os campeões mesmo, as partidas demoraram, às vezes, dias - e não terminam com um xeque-mate.
Não há vencedor, não há vencido...
É como se a "aventura" de jogar fosse o objetivo.
Refletindo sobre as idéias que você deixou em seu comentário lá no meu blog, perguntei a mim mesma: que coisas eu sempre quis fazer, e deixei pra esse momento?
E mais: será que eu precisaria mesmo ter deixado pra fazê-las só agora?
Ou poderia tê-las realizado,ao longo do caminho, talvez num ritmo diferente, talvez com um foco um pouco diferente, com expectativas diferentes...
Eu percebo que, com os quilos a mais, as frustrações pareciam se avolumar, brotavam de todos os cantos, todas as relações e situações; em suma "tava tudo ruim"!
Ouso querer dizer com isso, que à medida que fui melhorando nessa relação comigo mesma, as outras coisas foram melhorando também, ou perdendo aquela rigidez que tinham aos meus olhos.
Esse palavrório todo pra dizer que o que eu fiz foi escolher um ponto que me aborrecia, e que dependia só de mim trabalhar nele. E foquei nele, meio compulsivamente (foi bom que sobrou menos compulsão para os doces!) E dexei as outras coisas na "lista de espera" para a hora que eu puder lidar com elas.A gente não diz que pra fazer a RA é um dia de cada vez? Acho que podemos estender para um problema de cada vez.
Comecei esse comentário só pra te dar uma sugestão sobre o que fazer no fim de semana que vem: uma corrida de rua!
Sei que você está começando, mas você se inscreve numa corrida de 5 km e caminha... o tempo que der...
Se você estiver no Rio, no dia 25 tem a Vênus, só para mulheres; corrida no domingo e, no sábado um dia inteirinho de cuidados para a mulherada.
Se você mora em outra cidade, lá naquele link que eu te dei tem o "calendário da provas"; tem corrida em muitas cidades.
Você pode convidar o seu marido, porque muitos vão com os filhos,e passam uma manhã de domingo bem diferente...
Se ele ainda não quiser ir dessa vez, você vai. Vai gostar tanto que só vai querer saber de treinar "pra próxima".
Daqui a um tempo ele vai estar, literalmente, tendo que "correr atrás de você", porque a corrida é uma coisa contagiante!
E você já começa a fazer as coisas boas antes mesmo de ter atingido o peso que você acha ideal.
Beijos,

FRANCYS LARA disse...

Olá Andy!
Passeando pelos blog achei o seu e resolvi espiar... e gostei muito, tbém quero ser atriz principal e não mais coadjuvante!!!
Entrei nesta guerra contra o peso e fiz meu pimeiro blog, está sendo uma aventura increivel e saber que não estou só tem me ajudado muito!
Gostaria de convidá-la a participar:
www.eufacominhasescolhas.blogspot.com
seria um prazer podermos compatilhar experiencias!
Já estou te seguindo!
Te aguardo lá!
bjinho!

FRANCYS LARA disse...

Andy, que bom! É um przer ter vc em meu blog, já estou te seguindo tbém bjo!

Clarissa disse...

Eu entendi perfeitamente o que você quis dizer... E quantas vezes eu não quis que as questões se resolvessem num lance... E, quantas vezes ainda quero?????
Não tem problema a gente não entender do jogo, não...
Afinal, nós não estamos falando disso mesmo...
Beijos.