terça-feira, 9 de abril de 2013

Eu e minha inspiração

De semana passada pra cá tenho estado com as tarde "livres", pois como estou no processo definitivo de posse do cargo que fui convocada no concurso (antes estava como RPA- Regime Provisório de Admissão), optei por mudar de escola e tentar vir para mais perto de casa e estou muito feliz, pois ontem fui para a escolha da escola e consegui que me encaminhassem para uma aqui pertinho de casa. Pronto, as duas horas que levava entre ida e vinda da escola já me sobra para um almoço mais tranquilo, um banho antes de ir para UCAM e quem sabe um tempinho para uma corridinha na esteira?
Por mais que esteja trabalhando o dia inteiro preciso articular isso de forma mais confortável possível e que não comprometa tanto a minha qualidade de vida.

Ontem iniciei o Fit Test- Insanity. Uma loucura, é bem cansativo e claaaaaaaaaro, não consegui fazer tudo, as flexões então, sem comentários! Mas não vou desistir, o que der para fazer vou fazendo, o que não der fica pra frente.

Hoje quero uma atenção para essa imagem:

Sei que ainda tenho muito chão para andar, mas sei também que já caminhei a maior parte do que preciso e que agora falta muito pouco.
Andei nesses últimos dias bastante vulnerável às tentações alimentares e aquela bola de neve que vem quando damos uma futucadinha me pegou de cheio, me fazendo engordar 2 kg do que eu já havia emagrecido. Disse no post passado que ia buscar uns vídeos e fotos de inspiração e depois percebi o quanto posso me inspirar em mim mesma. Sei do meu progresso, do quanto foi difícil e como está sendo maravilhoso ter esse bem estar de um corpo saudável. 
Não quero um corpo perfeito, quero um corpo certo pra mim; e esse não pode me trazer limitações anormais e deve transmitir, refletir a mulher que está em mim e não ficar escondendo e me inibindo.
portanto, se eu sei que posso, que consigo e já senti e vivi isso, sou mesmo a minha inspiração e a engrenagem do objetivo final não pode parar.
Desde ontem ando bem mais controlada, voltei com o chazinho da noite que me deixa mais relaxada, bem quentinho, aconchegante e saciável, as comidinhas balanceadas, as frutinhas e fugindo de tudo que sei que faz mal. Ou seja segurando a onda numa boa e na certeza que ao final dessa semana estarei no ponto de onde recaí, meus 74 kg.




3 comentários:

Brunna Duarte disse...

Querida, você mesma lhe trouxe a resposta mais assertiva: você precisa ser sua maior inspiração. Somos todas guerreiras e não vai ser uma batalha perdida que vai nos derrotar! Boa semana! :)

Tay Fernandes disse...

com certeza você deve se inspirar na sua própria imagem!

e calma, a balança subiu dois quilos mas agora vc voltou com tudo!

se cuida!

PATRÍCIA disse...

Oiee
Que bacana realmente trabalhar pertinho de casa não tem preço!!
Na melhor que nossa inspiração vir da nossa própria imagem...
Força.
bjs